Publicado por Boselli / cronicas/poesias/reflexões em Quarta-feira, 24 de abril de 2019
Textos


SINT0-ME

PREOCUPADA QUANDO O SABIÁ NÃO CANTA,A LUA NÃO BRILHA E O SOL SE ESCONDE.
PREOCUPO-ME QUANDO AS PESSOAS NÃO SORRIEM,NÃO DANÇAM E PARAM DE REZAR.


Sinto-me arrasada quando vejo a água dos rios mudando de cor e as arvores secando por falta de cuidados.
Fico incomodada quando respiro em caminhadas, e sinto cheiro de lixo no ar. Ou quando no trânsito, sou sufocada por fumaças pretas e poluidoras que se desprendem de veículos mal equipados.
Fico inconformada com incendios avassaladores que ardem durante horas e dias a fio,destruindo ecosistemas inteiros e fora do controle dos homens.
Sinto-me desprezível perante a miséria humana,o abandono infantil,o doente desamparado, a fome mundial,o trabalho escravo,e a mulher agredida.
Alguma coisa está errada. Enquanto questionamos nosso mundinho pequeno,reclamando de coisas que não se encaixam nas nossas expectativas de vida,ou no cotidiano,o planeta gira,gira e gira,para mudar do seu próprio jeito,tudo que está errado, por conta de uma humanidade que errou...errou...errou...e não consegue remediar.


Maria da Penha Boselli* / 2017

 
Maria da Penha Boselli
Enviado por Maria da Penha Boselli em 01/09/2017
Alterado em 01/09/2017
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários